sábado

O Tabu da Virgindade: Você Tem Vergonha de Ser Virgem?

vergonha, medo, virgindade
Image by Sasin Tipchai from Pixabay

     Olá, caro leitor! Tudo bem?

     Você adolescente, você pré-adolescente e você, também, adulto tem vergonha de ser virgem ainda?

     Vamos conversar!

     O mundo de hoje parece nos forçar a obedecer vários tipos de padrões: O da beleza, o da ditadura da magreza e por aí vai. Outro tabu lançado há algum tempo é o da virgindade. Já que o sexo se tornou "banalizado" pela "sociedade moderna", há pessoas que acreditam que então tem que perder logo a virgindade para fazer parte de um grupo grande de pessoas e assim e se sentir uma pessoa normal. E aí fazem tudo errado: Perdem a virgindade numa hora que não queriam, com quem não queriam, do jeito que não queriam, por pressões de namorados (as famosas chantagens masculinas) ou de grupo de amigos ou até da própria família, às vezes!

     E daí vem os traumas, os problemas psicológicos, os arrependimentos, as doenças, as gravidezes indesejadas e por aí vai.

     Tem certeza que você quer isso para sua vida?

     Acho que não né?

     Sexo é uma coisa prazerosa, uma coisa boa, uma coisa que faz bem para nossa saúde (isso já foi até comprovado) e todo mundo gosta (pelo menos quase 100% de nós humanos). E perder a virgindade, que é quando se tem a primeira relação sexual, tem que ser feito no tempo certo e tempo cada um de nós tem o seu!

     Não se preocupe se você tiver 15 anos de idade, por exemplo, e nunca ter tido sua primeira vez ainda. Não se desespere se no grupo de suas amigas todas já perderam a virgindade e você não. Não se ache "menos homem" se você já está com 18 anos ou mais só porque ainda não "pegou" alguém. Não caia na conversinha de namorado que diz sentir dor peniana e precisa de sexo se você não está a fim de "dar" para ele!

Photo by Niklas Hamann on Unsplash

     Perder a virgindade por causa do que os outros falam é tão errado quanto seguir um padrão de beleza que não corresponde ao seu físico ou entrar na ditadura da magreza que é tão perigoso e arriscado para sua saúde, por exemplo. Você deve perder sua virgindade quando você quiser, quando você estiver preparado(a), ou seja, de uma forma consciente, porque este momento tem que ser especial em sua vida e é você quem manda no seu corpo e ponto final!

     Porque o que vai acontecer se você um pinguinho de amor próprio é: Se arrepender! E muito! Sexo é um momento das nossas vidas que tem que ser feito com o consentimento de ambas as pessoas que vão fazê-lo e é um momento de prazer, de alegria. Se feito com pressão, se feito com cobranças, não rola coisa boa e a sua primeira vez será marcado por um terror!

     Pelas páginas da internet, há vários relatos de mulheres que perderam sua virgindade de forma cruel ou quando simplesmente não queriam, mas se deixaram levar por alguma pressão. Veja em sites como Não Aguento Quando ou Era Meu Namorado, por exemplo. Na vida também podemos conhecer histórias de pessoas que não tiveram sua primeira vez como um "conto de fadas" e muita gente conhece pelo menos uma que tem algum relato ruim.


Imagem de Free-Photos por Pixabay

    No mundo masculinos, homens costumam perder logo sua virgindade para "provar" aos amigos que "pode" e que é "homem". Ou seja, às vezes sem sequer saber, se sentiram na obrigação de estrear seu órgão masculino (como dizem os especialista quando o homem perder a virgindade) num ato sexual por pura pressão também!

     Por isso aconselho: CUIDADO! Não seja bobo! Quem manda no seu corpo é você e mais ninguém. 

     Fora que a palavra "virgindade" é usada por alguns como ofensa. A palavra não é nenhuma ofensa, é só uma realidade que pode ser tirada assim que a pessoa quiser.

     Outra coisa a ser ressaltada aqui é a consulta ao médico: Não tenha sua primeira vez sem consultar um médico! Ele vai te ajudar a orientar o que é certo, a tirar todas suas dúvidas com relação ao sexo e para você mulher, indicar o remédio certo para evitar gravidez indesejada e para você homem, a sempre usar preservativo para evitar gravidez de sua parceira ou doenças sexualmente transmissíveis (as conhecidas DST).

     Por isso, pense 2 bilhões de vezes antes de ir nessas modinhas de "tem que perder a virgindade logo", "tô ficando velho", etc. Você não "tem que" nada! Você pode perder sua virgindade e isso vai acontecer no momento certo. Pode soar engraçado, mas é uma decisão dessas que pode fazer diferença na experiência sexual da sua vida.

     Esses conselhos não é para dificultar nada em sua vida, ao contrário, é para garantir que um dos momentos mais prazerosos do ser humano possa ser feito com prazer de ambos os lados. A pessoa certa irá te respeitar e esperar o seu momento certo para que você diga adeus a sua virgindade ao lado dele(a). Por isso, escolha bem o(a) parceiro(a) com quem você quer ter sua primeira vez, previna-se de qualquer mal e seja feliz!

     E nunca se esqueça: Ame-se!


     Abaixo deixo um vídeo fabuloso da querida Regina Volpato quando apresentava o programa vespertino do SBT Casos de Família falando sobre este assunto.

     Faço das palavras dela a minha!



     Fique atento: Cuide-se!


     Gostou do texto? Então compartilhe em suas redes sociais, para que seus amigos também conheçam essas dicas!


Até mais!
0 comentários via Blogger
comentários via Facebook

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários com SPAM, ofensas ou incompreensíveis serão deletados sem aviso prévio.
Os comentários não refletem na opinião do autor.

Atualizações do Instagram

Topo