terça-feira

De Onde Veio a Brincadeira "Amarelinha"? - Saiba a Origem Dessa Brincadeira Tão Tradicional Brasileira

Imagem de Abby Haukongo por Pixabay

     Olá, caro leitor! Tudo bem?

     Quando éramos crianças, brincamos de diversas coisas como "esconde-esconde", "pega-pega" e o divertido "Amarelinha". Porém, quando crescemos e paramos para pensar, ninguém nos explicou de onde veio a brincadeira e o porquê do seu nome. Será que é por causa da cor amarela? Mas quem, afinal de contas, inventou essa brincadeira?

     Nesse artigo, vou dizer a você como surgiu a amarelinha, a origem do seu nome e como se brinca.

     Vamos lá?

     Amarelinha, um jogo divertido que entretém crianças do Brasil inteiro, surgiu a muito tempo mais do que imaginamos. Não se sabe de onde surgiu exatamente, mas tem historiadores que falam que a brincadeira veio da Bretanha durante o Império Romano, tem outros que falam que surgiu da Europa renascentista, inspirada no livro de Dante Alighieri “A divina comédia” e tem outros que falam que a brincadeira veio do Antigo Egito.


     Amarelinha foi trazida para o nosso país através dos portugueses e rapidamente a brincadeira se popularizou pelo fato de poder ser jogada em praticamente qualquer lugar com um pouco de espaço livre.  Os portugueses conheceram este jogo através dos franceses que o chamavam "Marelle" que aos ouvidos dos próprios portugueses soava como "Amarelinha", ou seja, não tem nada a ver com a cor amarela. "Marelle" é o nome que se dá a um pedaço de madeira, ficha de jogo ou pedrinha para marcar o progresso do jogador durante a brincadeira.

Imagem: Flickr

     O nome do jogo por todo o mundo se diferencia em cada país: no próprio Portugal, por exemplo, a brincadeira é conhecida como "Jogo da Macaca"; na Angola é "Avião" ou "Neca"; e na Espanha, é conhecida como "rayuela" que significa "pequena raia". No Brasil, a brincadeira também tem algumas variações em seu nome dependendo da região como "pular macaco" (Nordeste), "academia" (Rio de Janeiro), "casa de boneca" (Ceará), "maré" (Minas Gerais) ou "sapata" (Rio Grande do Sul). Porém, foi como "Amarelinha" que ela ficou mais conhecida no Brasil inteiro.

Imagem de ncassullo por Pixabay

      O jogo recebe variações também na sua forma de jogar como "Amarelinha Água", "Amarelinha Caracol", "Amarelinha Colmeia", "Amarelinha Semana", "Amarelinha Abecedário", "Amarelinha Inglesa" (essa tem dois tipos) e "Amarelinha Lua". Aqui, eu vou ensinar a brincadeira tradicional que o Brasil inteiro conhece. Acompanhe abaixo:

Imagem: Flickr
Cada jogador precisa de uma pedrinha;
*
Quem for começar, joga a pedrinha na casa marcada com o número 1 e começa a pular de casa em casa, partindo da casa 2, até o céu;
*
Só pode por um pé em cada casa de cada vez. Quando há uma casa ao lado da outra, pode colocar os dois pés no chão;
*
Quando chegar no céu, o jogador volta pulando da mesma maneira, pegando a pedrinha quando estiver na casa 2 (sem colocar o pé no chão);
*
A mesma pessoa começa de novo, jogando a pedrinha na casa 2.
*

Perde a vez quem:
* Pisar nas linhas do jogo;
* Pisar na casa onde está a pedrinha;
* Não acertar a pedrinha na casa onde ela deve cair;
* Não conseguir (ou esquecer) de pegar a pedrinha na volta.


* Ganha quem pular todas as casas primeiro! *


A pesquisa desse artigo foi feita nos sites Jogos Tradicionais, Alegria Pueril, Superinteressante, Omo e Criando Crianças.


     Gostou do texto? Então compartilhe em suas redes sociais, para que seus amigos também conheçam essas dicas!


Até mais!
0 comentários via Blogger
comentários via Facebook

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários com SPAM, ofensas ou incompreensíveis serão deletados sem aviso prévio.
Os comentários não refletem na opinião do autor.

Atualizações do Instagram

Topo